Marilia Alves fotografia

blog

Histórias calangas: relatos da Chapada dos Veadeiros

Pela primeira vez, criei uma séria instagramática, apresentando um assunto de maneira mais lenta, capitular e, às vezes, mais poética. Isso porque eu tinha acabado de voltar de uma viagenzinha de fim de semana com amigas-irmãs e, mais uma vez, a Chapada dos Veadeiros me arrebatou. Como isso nunca deixa de acontecer, desde quando era uma pimpolhinha, me inspirei a apresentar essa experiência virtualmente, com detalhes, pessoas e paisagens. Achei gostoso, mas não suficiente! Portanto, aqui vão relatos calangos:

setembro | 2012
Apesar da minha família ser hóspede constante da Chapada do Veadeiros, de vez quando a nossa presença sofre hiatos. Essa vez, em 2012, foi para encerrar essa ausência e descobrir novas paisagens. Normalmente, ficamos em Alto Paraíso e conhecemos de cor e salteado suas opções naturais e dessa vez quisemos experimentar ficar em Cavalcante e conhecer as cachoeiras da Capivara e Santa Bárbara. Foi uma viagem vermelha e úmida. 

Para variar, não fiz nenhuma foto das quedas d'água porque me recusei a sair de dentro dela. Curei uma abstinência de água do Planalto Central depois de um ano morando na Itália:

março | 2014
Março não é o mês mais adequado para conhecer as cachoeiras do Planalto Central se o objetivo é entrar na água. Chuva e água corrente não combinam com segurança, o risco de tromba d'água é grande. Fomos mesmo assim, porque o objetivo era mostrar para uma visita italiana tudo que o nossa terrinha tem para oferecer. Fizemos a Trilha dos Cânions do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (foto: Cachoeira da Carioca) e visitamos a velha amiga São Bento. Deu medo, mas foi bonito e em tons de cinza. 

agosto | 2014
Quando você acha que já conhece tudo o que tem para conhecer nos arredores de Alto Paraíso, tua prima te leva para conhecer o Jardim de Maytrea. Ali, na beira da estrada, casualmente posando na beira do Parque Nacional. 

julho | 2015
Primeira vez na Chapada sem minha família. E com um grupo de amigos que eu nem conhecia tão bem assim e agora carrego comigo. Loquinhas, Raizama e Catarata dos Couros entraram no meu repertório.

setembro | 2016
Essa última vez, foi praticamente um levantamento do quanto as coisas mudaram e evoluíram desde o início desse ano. Amizades recentes e para sempre, novos e velhos dilemas e independência. E a Chapada dos Veadeiros sempre ali, porto seguro. Cachoeira da Capivara, Santa Bárbara e Catarata dos Couros espantando nossos encostos e nos chamando para voltar sempre.

Conclusão: tem muito lugar bonito no mundo e tem o Planalto Central. A Chapada dos Veadeiros é só uma porçãozinha desse lugar maravilhoso onde resolveram assentar a capital do nosso país. Não pretendi fazer um guia turístico, mas espero que esse guia sentimental te inspire a explorar a minha terrinha do coração. Uma vez calanga, sempre calanga.

Citei só algumas opções de lugares visitáveis, quem tiver mais sugestões não se acanhe em colocar nos comentários! Quem sabe não vou lá fazer novas fotos?